Dados do SP156

Os relatórios disponíveis nesta página apresentam informações sobre as solicitações recebidas por meio dos canais de atendimento SP156 (Central Telefônica, Portal de Atendimento, Aplicativo Móvel, Descomplica e Praças de Atendimento das Subprefeituras). As bases de dados estão agregadas por semestre e são atualizadas trimestralmente pela Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia, recebendo tratamento para retirada de informações pessoais e informações sensíveis dos requerentes e de terceiros.

Notas de esclarecimento:

  1. Os relatórios apresentam informações sobre as solicitações realizadas entre 1º de Janeiro de 2012 e 31 de Março de 2019.

  2. Os relatórios foram extraídos entre os dias 02 e 03 de Abril de 2019 e mostram, portanto, como estava o status das solicitações naquelas datas. A próxima atualização dos relatórios está prevista para a segunda quinzena de Julho de 2019.

  3. Em Novembro de 2016, a Prefeitura implantou um novo sistema de atendimento ao cidadão. Foram migrados para esse sistema somente os dados de 2015 em diante. Assim, os relatórios de 2012 a 2014 e de 2015 a 2019 possuem campos, parâmetros e nomenclaturas de serviços distintos, pois foram extraídos de dois sistemas de atendimento diferentes. Por essa razão, a comparação entre os períodos nem sempre é possível.

  4. Os dados das publicações recentes podem apresentar pequenos acréscimos da quantidade de protocolos registrados quando comparadas às publicações anteriores. Essa diferença corresponde a protocolos que no momento das primeiras extrações constavam no sistema como rascunho, ou seja, atendimentos não finalizados. Quando novos relatórios são gerados, o sistema contabiliza protocolos que outrora se encontravam na fase de rascunho e que foram posteriormente convertidos em solicitações.

  5. A cada atualização são incluídos novos relatórios e substituídos aqueles publicados anteriormente, pois os status das solicitações podem sofrer alterações, dado o dinamismo da prestação de serviços pelos órgãos municipais. Ou seja, os status dos protocolos podem evoluir de “aguardando atendimento” para “finalizados” ou “indeferidos” em distintos espaços de tempo, de acordo com a natureza da demanda.

  6. Destacamos ainda que as solicitações recebidas por meio do SP156 podem ser reclassificadas pelos órgãos prestadores de serviços (por exemplo: uma Prefeitura Regional pode reclassificar uma demanda que foi aberta originalmente como “Tapa-Buraco” para “Tapa-buraco em faixa exclusiva ou corredor de ônibus”). Além disso, as solicitações podem ser encaminhadas de um órgão para outro. Isso torna os relatórios dinâmicos, apresentando diferenças (de nomenclatura de serviço e órgão) entre uma versão e outra, que são consideradas normais.

  7. Os dados do SP156 referem-se exclusivamente às solicitações de serviços feitas por cidadãos(ãs) aos órgãos da Prefeitura de São Paulo. Assim, não é possível dizer que o número de solicitações recebidas corresponde ao número de problemas existentes. Logo, uma pessoa pode abrir mais de uma solicitação para o mesmo problema (por exemplo: vistoriar um estabelecimento) ou várias pessoas podem solicitar o mesmo serviço (por exemplo: remover um veículo abandonado na via pública). Da mesma forma, um serviço pode ser executado pela Prefeitura mesmo sem ter recebido a solicitação de um(a) cidadão(ã) (por exemplo: a Prefeitura pode identificar entulhos deixados em vias públicas e removê-los mesmo que ninguém tenha solicitado o serviço).

Dados e recursos

Informações Adicionais

Campo Valor
Autor SMIT - Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia
Versão 1.3
Última Atualização 12 de Julho de 2019, 14:09
Criado 21 de Junho de 2017, 20:16